14/06/2015

Girando a maçaneta...


“A felicidade bate na porta, mas não gira a maçaneta. 
Quem decide se quer que ela entre ou não é você”
 (Autoria Desconhecida)

A maçaneta é o portal para nossa mudança de espírito, de modo de agir que se difere de um ambiente ao outro... A maçaneta é sempre expectativa. A gente sabe o que vai encontrar do outro lado da porta, mas não sabe... Giramos a maçaneta e como em um passe de mágica nos transformamos, por adentrar em um outro ambiente, nos adequamos rapidamente. É comum aquela parada de alguns segundos na frente da porta, antes de girar a maçaneta, para o corpo e o espírito se prepararem para a transformação...
(Tiele Bertol)

Participando da brincadeira da Chica (17):



Depois de limpar os pés no capacho,vamos girar a maçaneta e abrir a porta.Ou esperar que quem esteja do outro lado faça isso.Mas abrir portas e girar maçanetas pode ser sinônimo de uma transformação sim,é como se você desse uma virada na vida tendo coragem de se arriscar, pois não dava pra saber o que estaria do outro lado da porta...E aí você muda sua vida para melhor!

Minha frase:

Ao girar a maçaneta... olha a surpresa!


Que nesta semana você gire muitas maçanetas e que isso traga muitas surpresas boas!
Beijos nas bochechas!

07/06/2015

Capachos divertidos!

Oi pessoas!
Hoje na brincadeira da Chica (16) a palavra é:
Agora,quem disse que só porque é capacho pra limpar os pés antes de entrar em casa,precisa ser feio?
Então além do tradicional capacho com Bem-vindo,olha só o que encontrei pela net:

Dito e mostrado isso, minha frase é:
Meus capachos são super coloridos e divertidos!
**********
Beijos nas bochechas! Boa semana pra nós!

31/05/2015

É assim que eu penso...

Primeiro fique sozinho.
Primeiro comece a se divertir sozinho.
Primeiro amar a si mesmo.
Primeiro ser tão autenticamente feliz, que se ninguém vem, não importa; 
você está cheio, transbordando.
Se ninguém bate à sua porta, está tudo bem -
Você não está em falta.
Você não está esperando por alguém 
para vir e bater à porta.
Você está em casa.  Se alguém vier, bom, belo.
Se ninguém vier, também é bom e belo
Em seguida, você pode passar para um relacionamento.
Agora você se move como um mestre,
 não como um mendigo.
Agora você se move como um imperador,
 não como um mendigo.
E a pessoa que viveu em sua solidão
 será sempre atraído
 para outra pessoa que também está vivendo
 sua solidão lindamente, porque 
o mesmo atrai o mesmo.
Quando dois mestres se encontram -
 mestres do seu ser, de sua solidão -
 felicidade não é apenas
 acrescentada: é multiplicada.
Torna-se uma tremendo fenômeno
 de celebração.
E eles não exploram um ao outro, 
eles compartilham.
Eles não utilizam o outro.
Em vez disso, pelo contrário,
ambos tornam-se UM e
desfrutam da existência que os rodeia.

Texto: KARMA de Osho

***********

Voltei! Vida que segue...Este texto traduz meu pensamento.
No próximo post conto as novidades!
E já voltei também a participar da brincadeira da Chica (15):


Estou no bloco dos sensíveis e sonhadores.
Meu bloco de notas só tem poesias!


Boa semana!Beijos nas bochechas!